Roberval comemora título da Copa Truck em família: “Acordar campeão é mágico”

Piloto da Corinthians Motorsport enaltece superação dentro e fora da pista para ilustrar atuação na temporada de 2018

Roberval comemora título da Copa Truck em família: “Acordar campeão é mágico”

Foto: Divulgação / F1Mania

Uma vitória e um segundo lugar nas corridas que compuseram a etapa final do último domingo (2) no Autódromo Internacional de Curitiba, em Pinhais, garantiram a Roberval Andrade o título geral de 2018 da Copa Truck. O piloto paulista da Corinthians Motorsport comemora a conquista em uma viagem com a esposa Regiane e os filhos Vitor e Davi ao litoral catarinense, onde visitam familiares e pontos turísticos de Florianópolis.

“Acordar campeão é mágico”, exultou o campeão, que nas 18 corridas que compuseram as nove etapas acumulou cinco vitórias, dois segundos e três terceiros lugares. “A ficha ainda está caindo, estou curtindo muito esse título e tudo que ele representa. É o meu quarto título brasileiro pilotando caminhões, mas a emoção que senti no dia da etapa e que ainda estou vivendo é de como se fosse o primeiro. É maravilhoso”, exclamou.

A etapa que definiu o título diante de um público de 32.000 torcedores foi dramática para Andrade, que disputava a taça de campeão com outros cinco pilotos. Terceiro no grid, ele conquistou a vitória na primeira corrida, à frente do campeão do ano passado, Felipe Giaffone, e de Leandro Totti. Na prova final, largando em oitavo, liderou maioria das voltas e cruzou a linha de chegada em segundo. Giaffone venceu e foi vice-campeão.

“Faltavam seis minutos para o fim da última corrida, eu estava mordendo a taça de campeão, aí escapei da pista no Pinheirinho, estava tentando o ritmo mais forte possível”, lembrou o campeão, citando um de seus momentos mais difíceis “Eu era líder e pedi para a equipe pelo rádio como estava a pontuação, e a resposta foi de que se o Felipe me passasse nós empataríamos em pontos e o título ficaria com ele”, contou Andrade.

Foto: Divulgação

A resposta causou estranheza. “Fiz os cálculos na pista, mesmo, e insisti com eles, porque tinha a impressão de que seríamos campeões mesmo se o Felipe me passasse. Eu queria vencer, mas o título era mais importante”, falou. A partir da confirmação do box de que o título seria conquistado com um segundo lugar, mesmo em caso de vitória de Giaffone, o piloto da Corinthians Motorsport passou a administrar a situação.

“Eu não poderia pôr tudo a perder. Quando todos tivemos total certeza da matemática do título, aliviei o ritmo. Foi uma conquista redentora. A equipe viveu momentos bastante difíceis nos últimos quatro anos, com dificuldades de orçamento que eram decorrentes também das dificuldades comerciais que tive fora da pista. Todas essas dificuldades foram superadas, dentro da pista e fora dela. Somos campeões!”, celebrou, elevando o tom de voz.

Roberval Andrade fez questão de dedicar a conquista ao trabalho dos integrantes da Corinthians Motorsport e às marcas parceiras da participação na Copa Truck – Bandag, Knorr-Bremse, Grupo Tombini, Nino Faróis, Truckvan, Fix, BorgWarner, Mahle e Embreagex. “Uma conquista assim, coroando toda a superação que tivemos de buscar, é uma motivação e tanto para seguirmos em frente. Voltaremos fortes em 2019”, finalizou.

Veja alguns vídeos do nosso Canal no Youtube. Confira:

Victor Berto visita a “Dream Racing” em Las Vegas e pilota uma Maserati GranTurismo Sport e uma Ferrari F430 Scuderia no “Las Vegas Motor Speedway”, que recebe etapas da NASCAR em seu oval. Confira o vídeo:

GEN2 – As peças e componentes da SEGUNDA GERAÇÃO de carros da FÓRMULA E:

Victor Berto, direto de Las Vegas, te leva para um passeio a bordo da LAMBORGHINI HURACAN LP610-4, uma MERCEDES AMG GTS V8 e uma MCLAREN 570S, 250 km/h em Lake Mead. Confira o vídeo:

F1Mania

Fonte: PORTAL TERRA – ESPORTES

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *