Recurso no concurso SEEMG para professor de História

Olá pessoal. Existe um recurso no concurso SEEMG para professor de História. Eu analisei o concurso e identifiquei três por modelo de erro. Fumarc explorou bem os assuntos da disciplina e adquiriu uma ampla compreensão da produção do conhecimento histórico e do ensino da história. (19659003] [editar] Perguntas

Pergunta 33

[editar] Cartão de crédito errado

Falência sugerida: [E]
[editar] A alternativa correta considerada indica que fazer história (com H maiusculo, que é a produção através da análise e interpretação da pesquisa), não é necessário (dispensa) do professor, no caso das mulheres, a maioria das pessoas que se dedicam ao ensino do ensino, sobre os seus sentimentos, o seu trabalho, suas paisagens, estradas, cidades e guerras […] Para todos esses documentos existem métodos comuns de análise, mas devemos estar atentos às características de suas línguas, suas formas específicas de produzir e transmitir informações (1949), em o que analisa os resultados da investigação e a avaliação dos resultados da investigação Em relação ao seu uso, é correto afirmar:
(A) É chamado, principalmente, por familiaridade e atratividade ou como forma de encantar o aluno e não requer conhecimento prévio do professor.
(B) Tem como objetivo inovar a inovação e, no caso dos estudantes, a introdução do cinema como material didático e sua importância por estar inserido no cotidiano dos alunos.
(C) Exigem pesquisa dos alunos, levando o ensino de História a outro nível e mostrando o que fazer Dispensa de histórico de profissionais da área. Ao trabalhar com a cultura material, o aluno deve se afastar de sua bagagem cultural para produzir uma análise cuidadosa do objeto.
(E) Eles podem ser transformados em materiais didáticos, atendendo às suas formas e, eu li

Pergunta 37
Garantias oficiais: C
Garantias sugeridas: B
que obriga a introdução do ensino da história e cultura da África e que, no que diz respeito aos direitos das crianças e pessoas com deficiência. A criança e o adolescente que se identificam e identificam como brancos têm muito a ganhar com uma educação qualificada de histórias e culturas afro-brasileiras e indígenas. Se uma criança que se identifica como branca tem o direito de insultar um colega identificado como negro por causa de sua raça ou cor, essa criança precisa de tanta ajuda quanto seu parceiro que sofre o preconceito […] (ALBERTI, Y no caso das mulheres, no caso das mulheres, no caso das mulheres. (19459011) No Brasil, através da legislação, o ensino da história e da cultura da África e dos afrodescendentes e indígenas é obrigatório. Em primeiro lugar, a Lei 10.639 / 03, que tornou obrigatório o ensino da história e da cultura africana e afro-brasileira em todas as escolas do país e, posteriormente, a Lei 11.645 / 08, que agregou a isso o ensino obrigatório da história. e cultura
Com base na distância e no conhecimento da Lei, é correto afirmar:
(A) A proposta é incluir atores na História do Brasil, tomando o suficiente para superar a desigualdade racial.
(B) (19 459011) (C) Assume o Brasil como um país racista e exige que a escola seja posicionada contra a visão herdada dos europeus.
(C) Assume o Brasil como um país racista e exige que a escola seja posicionada contra a visão herdada dos europeus. (D) Atualmente, a eficácia jurídica está sendo questionada, pois a legislação acaba discriminando um grupo em detrimento de outro.
(E) Retornar para a adoção de medidas inclusivas na Educação, ampliando as culturas que passaram a ser a Constituição / 88.

[1 9459010] Pergunta 45
Gabarito Errado [19659007[…] Os movimentos sociais no Brasil têm diferentes origens e orientações ideológicas. No momento, não temos movimentos claramente revolucionários, exceto movimentos camponeses influenciados pelo pensamento socialista, embora sejam mais evidentes nos programas partidários do que na prática política. Após a redemocratização e a extensão da cidadania, abriu-se um espaço para a manifestação do cidadão. Os movimentos sociais atuais, especialmente aqueles que ocorreram após os dias de julho, por exemplo, não têm caráter revolucionário.

Os movimentos sociais surgiram no cenário de luta pelos direitos no Brasil. Os movimentos sociais no Brasil são o resultado da organização espontânea de grupos que não são o foco de ações de políticas públicas e, portanto, não têm formas tradicionais de pressão
(B) de organização política (19459011). (C) da união de interesses dos grupos que, protegidos no presente e desconectados do passado histórico brasileiro, definem suas bandeiras e ideologias.
(C) da união de interesses dos grupos que, protegidos no presente e desconectados do passado histórico brasileiro, definem suas bandeiras e ideologias. (D) das lutas sociais dos grupos que, legitimamente e seguramente na Constituição, atuam em favor de uma bandeira revolucionária
(E) das transformações ocorridas após a redemocratização brasileira, que permitiu a participação de sociedade civil na política.

É isso. Um grande abraço, bons estudos e foco no sucesso!

Baixe agora seu curso em:

Estratégia Concursos

%d blogueiros gostam disto: