Pertinho de cidade da Copa é possível pisar em 2 continentes ao mesmo tempo – Priviet, Rússia!

Cidade mais ao leste entre as 11 escolhidas para receber os jogos da Copa do Mundo da Rússia, Iekaterinburgo permite ao turista pisar em dois continentes ao mesmo tempo e fazer aquela foto legal para mandar aos amigos e compartilhar nas redes sociais com um pé na Europa e outro na Ásia.

E nem é preciso se afastar tanto assim do centro da cidade localizado na região dos Urais para ir livremente de um continente ao outro.

São três monumentos nos arredores do município que marcam a divisa.

O mais antigo e afastado deles e que dizem ser a verdadeira fronteira entre Europa e Ásia fica a cerca de 45 quilômetros ao oeste do centro de Iekaterinburgo, nas proximidades de uma cidade chamada Pervouralsk.

Ele foi erguido em 1837 paa comemorar a visita do Czar Alexandre II. Hoje é uma estrtura muito bem preservada.

Com Uber ou o aplicativo de táxi local Yandex dá para ir e voltar por cerca de 1.200 rublos (R$ 67). Há tamém um ônibus que passa perto e sai por 180 rublos (R$ 10) entre ida e volta.

Um outro monumento bem menor e sem muita graça fica perto deste de Pervouralsk. Se estiver de carro ou táxi basta dar uma paradinha. Além do pequeno Obelisco, há uma placa indicando o fim de um continente e início do outro.

Obelisco mais simples marcando divisa entre Europa e Ásia (Foto: Fábio Aleixo)
Obelisco mais simples marcando divisa entre Europa e Ásia (Foto: Fábio Aleixo)
Placa que marca fim de um continente e início do outro é bom lugar para uma selfie (Foto: Fábio Aleixo)
Placa que marca fim de um continente e início do outro é bom lugar para uma selfie (Foto: Fábio Aleixo)

Já o mais recente e mais próximo monumento fica a só 17 quilômetros de Iekaterinburgo. São cerca de 15 minutos de carro, o que vai dar ao redor de 500 rublos (R$ 29) entre ida e volta usando um aplicativo de transporte.

É uma espécie de mini torre Eiffel, inaugurada mais recnetemente e que foi adotada por Iekaterinburgo como um de seus símbolos para a Copa do Mundo.

Esta divisa também se carateriza por ser um local de casamentos, principalmente aos fins de semana.

Espécie de mini Torre Eiffel também marca fronteira (Foto: Fábio Aleixo)
Espécie de mini Torre Eiffel também marca fronteira (Foto: Fábio Aleixo)

Para chegar a Iekaterinburgo saindo de Moscou a melhor e menos canastiva opção é o avião. São cerca de 2h20 de voo. De trem, se leva cerca de 25 horas.

A volta para a capital é quase uma “viagem no tempo”. Como Iekaterinburgo está duas horas à frente no fuso horário, você alcançará seu destino quase no mesmo horário em que partiu.

Um pé em cada continente (Foto: Fábio Aleixo)
Um pé em cada continente (Foto: Arquivo Pessoal)

O repórter viajou a convite do Comitê Organizador da Copa do Mundo

Créditos: Folha

%d blogueiros gostam disto: