Opção de isentar Japão de tarifas continua sobre a mesa, dizem EUA

A possível flexibilização foi anunciada enquanto Trump e Shinzo Abe se preparam para iniciar uma cúpula de dois dias na Flórida

Por
Estadão Conteúdo

access_time

17 abr 2018, 14h57

West Palm Beach – A Casa Branca deixou em aberto a opção de fornecer isenções às tarifas sobre as importações americanas de aço e alumínio para o Japão, enquanto o presidente dos Estados unidos, Donald Trump, e o primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe, se preparam para iniciar uma cúpula de dois dias na Flórida.

O diretor do Conselho Econômico Nacional, Larry Kudlow, comentou que a liberação do Japão em relação às tarifas ordenadas por Trump ou a abertura de negociações sobre um novo acordo comercial com o Japão estão “todas na mesa”.

Outros aliados dos EUA, como Austrália, Brasil, Canadá e União Europeia, receberam isenções das medidas protecionistas, que entraram em vigor no mês passado. Uma isenção é prioridade para Abe durante as conversas com Trump.

Na semana passada, o presidente americano instruiu Kudlow a liderar estudos sobre o retorno dos EUA à Parceria Transpacífico (TPP, na sigla em inglês), mas o diretor do Conselho Econômico Nacional afirmou que, neste momento, isso é mais uma ideia do que uma política. Fonte: Associated Press.



Créditos: Exame