Kroton negocia compra da Moderna e tudo para ler antes de a Bolsa abrir

São Paulo – Leia as principais notícias desta terça-feira (17) para começar o dia bem informado:

As quentes do dia

 

Eletrobras está envolvida em dois processos na Operação Lava Jato. De acordo com o jornal O Estado de S.Paulo, empresa estatal também é alvo de ações coletivas nos EUA e está na mira do TCU por má gestão de recursos públicos.

Aécio, enfim, pode virar réu hoje na Lava Jato. Nesta terça-feira, o STF avalia a denúncia contra o senador, que investiga o recebimento de propina de executivos da J&F.

Estoque de ações cai na Justiça do Trabalho. Segundo levantamento do jornal Folha de S.Paulo, a redução do estoque ocorre principalmente por causa da queda no ingresso de novos processos.

PSB fará pesquisa presidencial com fotos dos candidatos. Partido acredita que percentual da Joaquim Barbosa deve aumentar, de acordo com colunista do jornal Folha de S.Paulo.

Tríplex atribuído a Lula encalhou em leilão. Segundo colunista do jornal Folha de S.Paulo, nenhum comprador fez lance no imóvel desde que Sergio Moro determinou a venda.

Governo ainda estuda reajuste do Bolsa Família, diz ministro. Segundo Esteves Colnago, reajuste para repor a inflação de 2017, de 2,95%, teria custo de R$ 1 bilhão.

Maioria apoia prisão de condenados em segunda instância, diz Datafolha. De acordo com o jornal Folha de S.Paulo, para 57%, entendimento deve ser mantido; corrupção volta a ser maior problema.

Juíza autoriza que grupo de senadores verifique condições de prisão de Lula. Responsável pela execução penal da sentença do petista, ironizou a justificativa apresentada pelos parlamentares, disse o jornal Valor Econômico.

Política e mundo

Reoneração da folha tem pouca chance de ser votada nesta semana. Medida é considerada prioritária pela equipe econômica de Temer, mas até momento governo não conseguiu mobilização suficiente para votar a proposta.

Eleição presidencial já tem 16 pré-candidatos oficializados. Dentre os concorrentes ao pleito, há ex-presidentes, senadores, deputados, ex-ministros e até um ex-ministro do Supremo Tribunal Federal.

Projeto do PT não é o meu, diz Ciro Gomes. Ex-ministro de Lula disse que os partidos de esquerda têm peculiaridades, mas acabam se unindo diante da polarização.

Ministro do STJ nega habeas corpus a ex-diretor da Dersa em SP. Reynaldo Soares da Fonseca entendeu que mandado fundamentado não dá margem para substituir prisão preventiva por medidas cautelares.

Juiz acolhe 42 testemunhas no processo do “Quadrilhão do MDB”. Eduardo Cunha, Henrique Alves, Geddel Vieira Lima e Rodrigo Rocha Loures estão entre os réus, acusados de praticar ações ilícitas em troca de propina.

Dodge defende que líderes do MDB virem réus no STF. Procuradora quer que quatro senadores e dois ex-senadores envolvidos em crimes de corrupção passiva e ativa, e lavagem de dinheiro sejam réus.

CGU, AGU e MPF assinam e enaltecem primeiro acordo ‘global’ de leniência. Acordo com as agências MullenLowe Brasil e FCB Brasil é o primeiro com aval dos quatro órgãos que tratam de leniência no país.

Aécio diz que empréstimo de R$ 2 mi foi “impróprio”, mas não ilegal. Dizendo-se vítima de “um enredo predeterminado”, senador disse que tratativas com Joesley Batista não envolveram recursos públicos.

Em carta a militantes em Curitiba, Lula se diz tranquilo e indignado. Lula agradeceu os simpatizantes que estão acampados nos arredores da Superintendência da Polícia Federal, onde o petista cumpre pena.

Ex-OMC vê risco de guerra comercial entre EUA e China, mas limitado. Ex-diretor-geral da OMC acredita que promessa de abertura chinesa à economia global vem no sentido de tentar conter o ímpeto de Trump.

Governo Trump adia novas sanções contra a Rússia, diz autoridade. Preocupação do presidente americano é que um novo anúncio possa interferir em seus esforços para negociar acordos com o presidente russo.

G7 apoia ação de EUA, Reino Unido e França para deter armas químicas na Síria. Na última sexta-feira, o trio de aliados lançou mais de 100 mísseis contra supostas plantas do governo sírio dedicadas à produção de armas químicas.

EUA sugerem que Rússia e Síria podem adulterar evidências em Douma. Moscou negou a acusação e culpou ataques retaliatórios a mísseis liderados pelos EUA contra a Síria no final de semana pelo atraso na inspeção.

UE defende acordo nuclear firmado com Irã e recusa impor novas sanções. Chefe de relações exteriores da UE disse que consideração mais aprofundada sobre como lidar com o papel do Irã no conflito sírio acontecerá em breve.

Enquanto você desligou…

Carrefour Brasil vai captar R$1,5 bi com debêntures. A primeira série envolve o montante de 1 bilhão de reais, com prazo de 36 meses, com juro de 104,40% da taxa DI.

Infraero adia licitação de área para terminal de cargas no Campo de Marte. Infraero quer que “empresas interessadas tenham mais tempo para avaliar o projeto”; não há uma nova data para a entrega e abertura das propostas.

Cemig quer comprar de usinas eólicas e solares em contratos de 20 anos. Movimento visa ampliar volume de energia da empresa para atender clientes no mercado livre de eletricidade, após vencimento de concessões de hidrelétricas.

Eletrobras diz que greve não gera impactos nas unidades operacionais. Além dos sindicalistas e trabalhadores da estatal e suas controladas, participaram do ato outras categorias, como os moedeiros, bancários e portuários.

Anglo American dá início a férias coletivas de 766 empregados do Minas-Rio. Atividades da companhia estão suspensas desde 29 de março, em função dos incidentes de vazamentos no mineroduto da empresa.

Bolsa de moedas digitais Coinbase compra Earn.com. A Coinbase é a maior companhia de criptomoedas do mundo e foi avaliada mais recentemente em 1,6 bilhão de dólares, segundo o PitchBook.

Netflix registra lucro líquido de US$ 290 milhões no 1º trimestre. A receita também superou levemente as previsões, ao avançar 43,2% no primeiro trimestre na comparação com o mesmo período do ano anterior.

Amazon engaveta planos de vender e distribuir medicamentos para hospitais. Mudança no plano reflete em parte o fato de a Amazon não ter conseguido convencer grandes hospitais a mudar seu processo tradicional de compra.

Ministro italiano chama Vivendi de investidor terrível na Telecom Italia. Telecom Italia perdeu um quarto do valor de mercado desde que a Vivendi assumiu a primeira participação em meados de 2015.

Agenda

Nesta terça-feira, saem informações das licenças de construção e os dados de produção industrial de março nos Estados Unidos. Na zona do Euro, serão divulgadas as expectativas econômicas dos investidores alemães institucionais (ZEW).

Créditos: Exame

%d blogueiros gostam disto: