Guedes defende mesma transparência do Copom para Petrobras

Guedes voltou a defender que a Petrobras é livre para definir os preços

Por
Estadão Conteúdo

access_time

20 abr 2019, 16h55

São Paulo – O ministro da Economia, Paulo Guedes, recorreu neste sábado, 20, à transparência do Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central para dar como exemplo o quão clara deve ser a política de reajuste de preços dos combustíveis pela Petrobras.

apostilas em pdf opção

“O Castello Branco (Roberto, presidente da Petrobras) tem que ser o Copom do petróleo”, declarou em entrevista ao Blog da jornalista Julia Duailibi.

Guedes voltou a defender que a Petrobras é livre para definir os preços. O posicionamento ocorre após a divulgação de áudio em que o ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, apareceu falando que o governo deu uma “trava” na Petrobras.

Procurando evitar polêmica com o colega, o titular da Economia limitou-se a dizer que “ele Onix é muito leal e tem me ajudado muito”.

No entanto, segundo a entrevista à jornalista, uma das questões no radar da equipe econômica é aumentar a periodicidade de reajuste do diesel de 15 dias para no mínimo 30.

http://platform.twitter.com/widgets.js(function(d){var id=”facebook-jssdk”;if(!d.getElementById(id)){var js=d.createElement(“script”),ref=d.getElementsByTagName(“script”)[0];js.id=id,js.async=true,js.src=”https://connect.facebook.net/pt_BR/all.js”,ref.parentNode.insertBefore(js,ref)}})(document)

Fonte: Exame

Download Estrategia Concursos PDF

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *