Dólar tem leve baixa após ataque à Síria e cena eleitoral interna

Às 9:10, o dólar recuava 0,16 por cento, a 3,4207 reais na venda, depois acumular alta de 1,72 por cento na semana passada

Por
Reuters

access_time

16 abr 2018, 09h17

São Paulo – O dólar iniciou a segunda-feira com pequena baixa ante o real, com o mercado mostrando cautela após ataques dos Estados Unidos, França e Reino Unido à Síria no final de semana e com a cena eleitoral interna após divulgação de nova pesquisa de intenção de votos.

Segundo o Datafolha, mesmo depois de ter sido preso, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva seguia na liderança, com Jair Bolsonaro (PSL-RJ) em segundo. Sem Lula na disputa, Bolsonaro empata com a ex-senadora Marina Silva (Rede). A pesquisa mostrou, entretanto, alto porcentual de brancos/nulo/nenhum: 24 por cento.

Às 9:10, o dólar recuava 0,16 por cento, a 3,4207 reais na venda, depois acumular alta de 1,72 por cento na semana passada. O dólar futuro tinha queda de 0,05 por cento.

O Banco Central brasileiro realiza nesta sessão leilão de até 3,4 mil swaps cambiais tradicionais, equivalentes à venda futura de dólares, para rolagem dos contratos que vencem em maio e somam 2,565 bilhões de dólares.

Se mantiver esse volume e vendê-lo integralmente, o BC rolará o valor total dos swaps que vencem no próximo mês.



Créditos: Exame