dicas para se sair bem

Saber organizar as ideias e colocar no papel se tornou algo essencial para uma boa classificação em um concurso público. A dissertação é o tipo de redação mais cobrado pelas bancas organizadoras. Isso porque ela exige que o candidato reflita sobre diversos temas importantes e atuais – e uma das grandes dificuldades do aluno é transformar essa reflexão em palavras, ou seja, não saber como redigir uma redação.

Quando o aluno recebe o tema da redação, o primeiro problema costuma ser a não compreensão do que a banca quer dizer. Para o sucesso na escrita, é importante que o tema esteja bem claro dentro da cabeça do concurseiro. Somente assim será possível pensar em argumentos convincentes e em uma boa estrutura para a sua redação.

É importante lembrá-lo que se há um método extremamente eficaz para escrever melhor, esse método é a leitura. Quando lemos de uma forma aprofundada, aprendemos a decodificar o texto, ou seja, descobrir o que exatamente o autor está querendo nos transmitir. Quando se consegue assimilar as ideias das outras pessoas, será mais fácil fazer o mesmo com as nossas. Caso não tenha o hábito da leitura, busque aprimorá-lo.

Muitos querem saber como fazer uma redação perfeita. A verdade é que a receita é simples e não existe nenhum tipo de mágica. Basta aprimorar alguns hábitos e fortalecer técnicas, e o seu texto ganhará um grande avanço. Para lhe ajudar, nós vamos dar algumas dicas para uma boa redação. Procure aplicá-las em seu dia a dia de estudo.

Como fazer uma boa redação: como iniciar?

Entenda o tema proposto

Dificilmente vamos achar alguém que nunca sentiu dificuldade de iniciar o texto. Por isso, vamos dar algumas dicas de como começar uma boa redação. O mais importante é compreender da melhor maneira o tema. Trate-o como uma indagação, ou seja, faça perguntas sobre ele. Deixe as ideias fluírem e, com as respostas, comece a pensar qual será o seu foco durante a dissertação.

Anote todas as suas ideias de argumentos

Depois de refletir bem sobre o tema proposto, escreva num rascunho todas as suas ideias de argumentos. Pense sobre cada uma delas e veja quais vale a pena utilizar. É importante conseguir pensar em pelo menos três argumentos bem formulados, pois menos que isso poderá prejudicar a qualidade do resultado. A partir disso é que surgirá a sua tese, ou aquilo que você pretende “defender” durante todo o texto. Feito isso, você já pode começar a estruturar a sua redação. Abra sua dissertação apresentando a sua tese e, então, parta para a defesa por meio dos argumentos.

Dicas para uma boa redação: cuidado com a organização do texto

Faça um esboço da sua redação

A organização do texto é indispensável para um bom resultado. Procure fazer um esboço de como ficaria a sua redação depois de pronta. Separe qual será a sua introdução, como ficará seu desenvolvimento e qual será a solução para o problema. Faça desse esboço um modelo e tenha cuidado para não fugir muito disso.

Coloque suas ideias no papel

Anote todo tipo de ideia que tiver, pois elas acabam se perdendo. Lembre-se que elas não surgem do nada, pois são resultado de convivência, experiências e observações das coisas simples do nosso cotidiano. O rascunho não serve apenas para escrever uma primeira versão da redação final, mas também para anotações pertinentes.

A organização durante a escrita é fundamental

A organização não se limita ao momento que antecipa a escrita, o durante também tem uma grande importância. Deve-se manter a calma em todo o processo e não deixar que as suas ideias entrem em conflito. Procure ler e reler cada parágrafo para ver se estão com nexo e se há algum tipo de ligação entre eles.

Como fazer uma boa redação para concurso: estrutura do texto

Conheça a banca organizadora

Busque entender um pouco mais sobre a banca organizadora do concurso que vai prestar, pois, assim, você fica por dentro das características dela. Um texto dissertativo costuma seguir um modelo padrão bem simples.

Saiba como estruturar o seu texto

O modelo mais comum trabalha com quatro parágrafos, no entanto, isso irá variar com a quantidade de argumentos que você pretende utilizar. Comece pela introdução. Nela apresente o tema e a sua tese de maneira breve – a inclusão de um argumento dentro dela é bem válida para fortalecer o texto.

No desenvolvimento do texto devem estar contidos os seus argumentos, os quais tentarão convencer o seu leitor. É aqui que você pode citar alguns exemplos também, caso tenha algum que valha a pena. É importante dar uma atenção especial ao entrelaçamento dos parágrafos. As ideias devem ser bem amarradas, e é essencial que elas façam sentido ao leitor.

A conclusão costuma derrubar muitos candidatos. Não repita um argumento já utilizado, pois a conclusão precisa acrescentar algo novo. Traga uma solução possível e inovadora para toda a trama que você desenrolou durante a redação. Encerre de uma maneira que faça o leitor refletir sobre o assunto.

Como fazer uma redação para concurso: critérios avaliadores

Cada banca possui um tipo de avaliação, mas existem critérios que são universais. Tudo aquilo que tem relação com uma boa escrita é levado em consideração. Legibilidade, gramática, construções equilibradas e organização de ideias são pontos que sempre passam pela cabeça de quem está corrigindo. Outro ponto fundamental, talvez o mais importante, seja não fugir do tema em hipótese nenhuma.

Para conhecer um pouco mais sobre as bancas organizadoras, estude as questões do concurso que foi encerrado. Essa ação pode ser feita por meio da nossa plataforma Gran Cuca, diretamente pelo nosso site. Procure também por aquele curso para concurso que lhe deixará ainda mais preparado para a prova.




http://platform.twitter.com/widgets.js

Crédito:

Gran Cursos Online

BAIXE O MATERIAL DE ESTUDO CLICANDO AQUI!