Anvisa proíbe venda de cosméticos de duas marcas

Produtos para cabelo (de condicionador a escova progressiva) e outros itens de beleza da Viavip e da Palmindaya foram suspensos por irregularidades

Por
Da Redação

access_time

13 jul 2018, 12h16 – Publicado em 11 jul 2018, 12h18

Tem mais notícia ruim vinda da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Pouco depois de proibir a venda de remédios e suplementos de sete marcas, o órgão vetou todos os cosméticos da empresa Viavip e mais seis produtos de beleza da Palmindaya.

No caso da Viavip, uma inspeção recente acusou problemas na produção dos cosméticos. Diante disso, a marca não pode mais vender nem divulgar suas mercadorias – até porque essas falhas afetariam a qualidade e a segurança dos itens.

Quais são elas? Estamos falando de condicionador de cabelo, produtos de clareamento capilar, escovas progressivas, óleo de argan e por aí vai. Embora eles já estejam sendo recolhidos, a recomendação atual é: se tiver o selo da Viavip, não leve para casa.

Já a situação da Palmindaya é um pouco diferente. Segundo a Anvisa, seis produtos estavam fora das especificações necessárias, com alterações nos níveis de acidez. Na prática, tratam-se de cosméticos que, no mínimo, não surtiriam o efeito desejado.

Veja a lista completa dos lotes proibidos da Palmindaya:

· Loção Após Barba Mentolada Palmindaya (todos os lotes fabricados em 2017)

· Loção Após Barba Com Aloe Vera (todos os lotes fabricados em 2017)

· Loção Após Barba Sport (todos os lotes fabricados em 2017)

· Creme de Barbear Mentolado Palmindaya, lote 593, fabricado em 20/07/2017

· Creme com Extrato De Pepino Palmindaya Hidratante, lote 0083, fabricado em 27/04/2017

· Desodorante Creme Hidratante Mãos E Pés Essência Flor De Laranjeira Palmindaya, lote 011, fabricado em 16/06/2017

http://platform.twitter.com/widgets.js

Fonte: Revista Saúde

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *