Ações da Tesla recuam depois de ofensa de Elon Musk a mergulhador

Analistas e investidores afirmaram que os comentários de Musk o estão distraindo dos principais negócios da montadora

Por
Reuters

access_time

16 jul 2018, 22h13 – Publicado em 16 jul 2018, 21h56

As ações da montadora norte-americana de carros elétricos Tesla recuaram 2,75% nesta segunda-feira (16) depois que o presidente-executivo, Elon Musk, ofendeu diretamente no Twitter um dos mergulhadores envolvidos no resgate de 12 crianças em uma caverna na Tailândia na semana passada.

Uma série de analistas e investidores, pedindo para não serem identificados, afirmaram à Reuters que os comentários de Musk foram elementos adicionais de preocupações de que os posicionamentos públicos do executivo o estão distraindo dos principais negócios da montadora. A queda das ações da Tesla nesta segunda-feira reduziu o valor da companhia em quase 2 bilhões de dólares. As ações da Tesla encerraram cotadas a 310,10 dólares.

James Anderson, um sócio do quarto maior acionista da Tesla, a gestora de ativos Baillie Gifford, afirmou que os eventos deste final de semana foram “lamentáveis” e reiterou à companhia a necessidade de “paz e execução” de seus negócios.

A briga entre Musk e o mergulhador britânico Vernon Unsworth começou na semana passada, depois que equipes de resgate rejeitaram a oferta do bilionário para usarem um minisubmarino criado por sua companhia de foguetes espaciais, SpaceX, no resgate das 12 crianças e seu técnico de futebol. O grupo ficou preso em uma caverna inundada na província de Chiang Rai, no norte do país.

“Ele pode enfiar o submarino dele onde machuca”, afirmou Unsworth à CNN. “Não tem a menor chance de funcionar.”

Musk então respondeu no domingo, em sua conta no Twitter: “Faremos um (vídeo) do minisubmarino percorrendo a Caverna 5 sem problemas. Desculpe seu pedo, você pediu por isso”, disse Musk no tuíte que depois foi apagado.

Representantes e advogados da Tesla não responderam a pedidos de comentários feitos pela Reuters.

Musk não deu evidências para alegar que Unsworh é pedófilo. O mergulhador afirmou a uma rede de televisão australiana que vai avaliar um processo contra Musk pelo comentário. A Reuters não conseguiu contatar Unsworth sobre o episódio.

A esposa do mergulhador, porém, afirmou à Reuters nesta segunda-feira que o marido voltará para a Inglaterra em 19 de julho, onde vai falar com advogados.

(function(d){var id=”facebook-jssdk”;if(!d.getElementById(id)){var js=d.createElement(“script”),ref=d.getElementsByTagName(“script”)[0];js.id=id,js.async=true,js.src=”https://connect.facebook.net/pt_BR/all.js”,ref.parentNode.insertBefore(js,ref)}})(document)

Fonte: Exame

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *