Acidentes de trânsito são a 8ª maior causa de mortes no mundo

Acidentes de trânsito ainda matam mais no Brasil do que nos países desenvolvidos (Ivania Bonatto/Fotos Públicas)

Um estudo sobre segurança no trânsito divulgado nesta sexta-feira (7) pela Organização Mundial da Saúde (OMC) aponta que mais de 1,35 milhão de pessoas morrem todos os anos vítimas de acidentes envolvendo veículos. Colisões e atropelamentos são atualmente a 8ª maior causa de mortes no mundo, ultrapassando doenças como a Aids e a tuberculose.

O levantamento avaliou as medidas de segurança viária em 175 países. O declínio nas taxas de mortes no trânsito foi identificado nas Américas, Europa e no Pacífico Ocidental (denominação que engloba os países da Oceania, China, Japão e as ilhas do Oceano Pacífico). Mas a taxa de mortalidade ainda é, em média, três vezes maior nos países em desenvolvimento do que nas nações desenvolvidas.

Em relação ao Brasil, onde os motociclistas são responsáveis por 31% dos mortos no trânsito, o levantamento identificou um recuo na taxa de mortes para 19,7 por 100.000 pessoas. Inferior a de países como a Índia (22,6 por 100.000 pessoas), mas ainda muito superior a de nações mais ricas, como a Alemanha (4,1 por 100.000 pessoas). O levantamento cita a Lei Seca, que colocou o País entre os mais rígidos no controle aos motoristas embriagados, como um dos fatores que contribuiram para a
redução nas mortes nos últimos anos.


(function(d, s, id) {
var js, fjs = d.getElementsByTagName(s)[0];
if (d.getElementById(id)) return;
js = d.createElement(s); js.id = id;
js.src = “http://connect.facebook.net/en_US/sdk.js#xfbml=1&version=v2.9&appId=205286206664408”;
fjs.parentNode.insertBefore(js, fjs);
}(document, ‘script’, ‘facebook-jssdk’));

Fonte: MOTORSHOW

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *