Trump desiste de empreendimento no Rio em meio a investigações

SÃO PAULO – O presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, retirou seu nome do projeto de um hotel de luxo no Rio de Janeiro, citando problemas com atrasos e uma mudança de estratégia. De acordo com informações da Bloomberg, o empreendimento estaria envolvido em investigações criminais.

Fontes do site de notícias disseram que os investimentos de US$ 40 milhões neste hotel estão sob investigação, algo que a assessoria de imprensa não quis comentar. Ainda nesta terça-feira o nome do bilionário será removido do prédio.

“Os desenvolvedores do hotel no Rio de Janeiro estão significativamente atrasados no término da construção da propriedade, e a visão deles para o hotel não se alinha mais com a marca Trump Hotels”, escreveu a companhia em um posicionamento oficial.

Localizado na beira da Barra da Tijuca, o Trump Hotel deveria estar em pleno funcionamento a tempo das Olimpíadas, que ocorreram em agosto deste ano e cujos jogos tomaram forma majoritariamente em região próxima. Atualmente, ainda está em funcionamento parcial, com alguns quartos disponíveis para hóspedes.

Segundo a Bloomberg, o procurador federal Anselmo Henrique Cordeiro Lopes abriu uma investigação envolvendo dois pequenos fundos de pensão que investiram US$ 40 milhões na propriedade.

Ele disse que a Organização Trump “foi favorecido de forma suspeita” por um fundo de investimento de um banco estatal apontado em um suposto esquema de subornos envolvendo o ex-presidente da Câmara, Eduardo Cunha.

Donald Trump

Créditos:

Infomoney

%d blogueiros gostam disto: