L-carnitina acaba com as cãibras e auxilia no emagrecimento

Quem pratica atividades físicas regularmente deve estar sempre atento aos cuidados para a preservação da massa muscular, pois é muito comum o surgimento de cãibras e outras lesões durante treinos intensos.

As cãibras são contrações musculares dolorosas que surgem involuntariamente podendo aparecer durante o sono, o repouso e também no momento em que se está praticando algum tipo de atividade que compromete o corpo.

Inúmeros são os fatores que podem ocasionar o aparecimento desse tipo de desconforto. As principais causas geralmente estão associadas a desidratação, perda de sódio e potássio, acúmulo de ácido láctico nos músculos, hipertermia ou falta de algum nutriente.

Um dos suplementos mais indicados para quem deseja se livrar de vez das cãibras é a L-carnitina, que ajuda na recuperação de exercícios intensos, diminuindo as dores musculares e ajudando na erradicação dos radicais livres que tanto atrapalham no desenvolvimento da massa muscular.

Os benefício da L-carnitina

Encontrada em carnes e nos produtos de origem animal, a L-carnitina é um aminoácido não-essencial produzido pelos rins e pelo fígado. Atualmente, essa substância tem sido comercializada em suplementos por ser muito efetiva na redução das cãibras e no processo de emagrecimento.

Outro principal benefício da L-carnitina está relacionado a sua ação antioxidante, que elimina ácidos graxos que o nosso corpo não precisa. Por isso, esse componente é fortemente associado como um contribuinte para a perda de peso e para a eliminação de toxinas, além de ser indicado para quem deseja levar uma vida saudável e para quem está fazendo tratamento contra doenças cardiovasculares, renais e arteriais, por exemplo.

Como tomar a L-carnitina

Os esportistas tendem a consumir essa suplementação após o período de treino junto com uma alimentação rica em carboidratos para ajudar na recuperação da musculatura e no ganho de energia. Isso porque a L-carnitina ajuda no transporte da gordura consumida, facilitando a produção de energia para o corpo.

A indicação é que seja ingerido de 300 a 500 gramas por dia desse suplemento. No entanto, é fundamental que você converse com o seu nutricionista para que seja avaliada a quantidade exata a ser consumida, pois cada organismo possui necessidades nutricionais diferentes.

%d blogueiros gostam disto: