Federais recebem R$ 1,2 bi para despesas e assistência estudantil — Governo do Brasil

Ao todo, as universidades receberão R$ 925,12 milhões, e os institutos federais serão contemplados com R$ 366,3 milhões


publicado:
05/10/2017 16h29


última modificação:
05/10/2017 16h32

As universidades e institutos federais vão receber um reforço de R$ 1,2 bilhão do Ministério da Educação. Os recursos correspondem ao aporte necessário para a assistência estudantil.

“Estamos cumprindo rigorosamente o nosso compromisso assumido com os reitores, garantindo os recursos para custeio, investimento, retomada de obras paralisadas e a assistência estudantil”, afirmou o ministro Mendonça Filho.

Do total liberado, R$ 577,52 milhões são referentes a custeio e investimentos, e R$ 438,8 milhões a mais, uma liberação extra de limite para empenho. Ao todo, as universidades federais receberão R$ 925,12 milhões, e os institutos federais serão contemplados com R$ 366,3 milhões. Para a assistência estudantil, a pasta liberou R$ 275,1 milhões de limite para empenho.

Desde o início deste ano, o Ministério da Educação repassou R$ 5,8 bilhões em recursos financeiros e R$ 7,8 bilhões de limite para empenho, ambos discricionários, para as instituições federais vinculadas à pasta. Além desses recursos, O MEC já liberou para as universidades e institutos federais o valor de R$ 43,51 bilhões para o custeio da folha de pagamento de pessoal.

Fonte: Governo do Brasil, com informações do Ministério da Educação

Créditos: Portal Brasil

%d blogueiros gostam disto: