Edital sofre retificação! Veja AQUI!

Inscrições para o concurso TRF 5 serão encerradas hoje!

As inscrições para o EDITAL TRF 5 deverão ser realizadas, exclusivamente, via Internet, até às 14h do dia 27/10/2017 no site da banca organizadora. Não perca o prazo!


Nesta quarta-feira, 18/10, foi publicado no Diário Oficial a retificação no conteúdo programático do concurso do Tribunal Regional Federal da 5ª Região (concurso TRF 5).

A retificação diz respeito à inclusão das matérias de Noções sobre Direitos das Pessoas com Deficiência e Noções de Sustentabilidade. Confira:

”O Tribunal Regional Federal da 5ª Região, tendo em vista o Edital nº 1/2017, de Abertura de Inscrições do Concurso Público para provimento de cargos na Sede do Tribunal Regional Federal da 5ª Região e nas Seções Judiciárias dos Estados de Pernambuco, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Alagoas e Sergipe, publicado no Diário Oficial da União, de 25.09.2017, RESOLVE:
I. INCLUIR no Anexo II – Conteúdo Programático, para todos os cargos áreas/especialidades, em Conhecimentos Gerais:
a) Noções sobre Direitos das Pessoas com Deficiência (Resolução CNJ nº 230/2016 – art. 19): Inclusão, direitos e garantias legais e constitucionais das pessoas com deficiência (Lei nº 13.146/2015; Lei nº 11.126/2005 e Constituição Federal). Normas gerais e critérios básicos para a promoção da acessibilidade das pessoas com deficiência ou com mobilidade reduzida (Lei nº 10.098/2000 e Decreto 5.296/2004). Prioridade de atendimento às pessoas com deficiência (Lei nº 10.048/2000 e Decreto 5.296/2004). Direitos no sistema de transporte coletivo (Lei nº 8.899/1994) e Decreto 3.691/2000). Símbolo de identificação de pessoas com deficiência auditiva (Lei nº 8.160/1991). Normas de apoio às pessoas com
deficiência e sua integração social (Lei nº 7.853/1989 e Decreto 3.298/1999).
b) Noções de Sustentabilidade: Resolução CNJ nº 201/2015. Lei nº 8.666/1993 e suas alterações: artigo 3º. Decreto nº 7.746/2012. Política Nacional sobre Mudanças do Clima (Lei nº 12.187/2009). Política Nacional de Resíduos Sólidos (Lei nº 12.305/2010). Conceito
de Desenvolvimento Sustentável.


 

 

Concurso TRF 5 publica edital para nível médio e superior!

Foi publicado o edital do Concurso TRF 5 que tem as Seções Judiciárias nos Estados de Pernambuco, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Alagoas e Sergipe.

As Provas Objetiva, Discursivas e Prática serão realizadas nas Capitais: Recife, João Pessoa, Natal, Fortaleza, Maceió e Aracaju, dos Estados de Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte, Ceará, Alagoas e Sergipe, respectivamente, conforme opção de Estado de Classificação indicada pelo candidato, no ato da inscrição do concurso TRF 5.

Neste artigo você terá todas as principais informações sobre o edital do Tribunal Regional Federal da 5ª região de modo a facilitar a sua decisão de prestar ou não esse certame assim como para auxiliá-lo no seu planejamento. Iremos montar também um super plano de estudos de edital aberto e postaremos aqui. Fiquem ligados! =) Estamos com vocês!

>> Curso Alfacon TRF 5

O concurso TRF 5 irá realizar-se sob a responsabilidade da FCC (Fundação Carlos Chagas). Esta banca tem um histórico de ”Copia e Cola”, ou seja, repetição de questões e muita cópia de artigos de lei. Porém, nos últimos concursos, a banca FCC mostrou-se renovada, deixando de ser ”copia e cola” e passando a cobrar suas questões de forma mais aprofundada, original e robusta.

Meu conselho? Resolver questões da banca CESPE, que tem um nível mais elevado e elaborado, além, lógico, de questões de últimas provas e concursos da banca FCC, para melhorar o seu treino e raciocínio das questões.

Para auxiliá-los, vocês podem conferir as duas postagens sobre o Manual do plano de estudos para aprimorar a organização.

> MANUAL DOS CONCURSEIROS – O PLANO DE ESTUDO – PARTE 01

> MANUAL DOS CONCURSEIROS – O PLANO DE ESTUDO – PARTE 02

Os candidatos aos cargos do presente Concurso TRF 5 ficarão sujeitos à carga horária de 40 horas semanais, na forma do artigo 19 da Lei nº 8.112/1990 e alterações posteriores, salvo disposições em leis específicas.

Confira, as principais informações sobre o certame:

1. ÓRGÃO: Tribunal Regional Federal da 5° Região

2. ESTADO: Pernambuco, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Alagoas e Sergipe,

3. CARGOS:

Analista Judiciário – Área Judiciária

Analista Judiciário – Área Administrativa

Técnico Judiciário – Área Administrativa

4. STATUS: Aberto

5. VAGAS:

Analista Judiciário – AJ: 3+CR

Analista Judiciário – ADM: CR

Técnico: 3+CR

6. NÍVEL: Superior e Médio

7. REMUNERAÇÃO:

Analista: R$ 10.461,90 + benefícios

Técnico: R$ 6.376,41 + benefícios

8. BANCA: Fundação Carlos Chagas

9. DATA DA INSCRIÇÃO: 02/10/2017 até 27/10/2017

10. VALOR DA INSCRIÇÃO:

Superior: R$ 70,85

Técnico: 60,86

11. DATA DA PROVA: 03/12/2017 – 4h de duração. Manhã: Técnico / Tarde: Analista

12. NÚMEROS DE QUESTÕES: 60

13. FORMATO: Múltipla Escolha

14. PROVA DISSERTATIVA (REDAÇÃO): Sim

15. QUANTIDADE DE REDAÇÕES CORRIGIDAS:

Analista – Área Judiciária: 750

Analista – Área Administrativa: 400

Técnico Judiciário: 1.000

16. VALIDADE DO CONCURSO: 2 (dois) anos podendo ser prorrogado por igual período

Matérias
CONHECIMENTOS GERAIS
Língua Portuguesa
Noções de Direito Administrativo
Atos Normativos

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS
AJ – AJ:
Direito Constitucional
Direito Administrativo
Direito Civil
Direito Processual Civil
Direito Penal
Direito Processual Penal
Direito Previdenciário
Direito Tributário
Direito do Consumidor

AJ – ADM
Noções de Direito Constitucional
Noções de Direito Administrativo
Noções de Administração
Administração Financeira e Orçamentária
Noções de Gestão de Pessoas

TÉCNICO
Noções de Direito Constitucional
Noções de Direito Administrativo
Noções de Administração
Noções de Administração Financeira e Orçamentária
Noções de Gestão de Pessoas

O candidato ao optar pelo Estado de Classificação estará optando, automaticamente, a realizar provas na respectiva Capital e concorrerá exclusivamente às vagas constantes deste Edital e, a critério da administração, as que vierem a surgir ou que forem criadas naquele Estado, durante a validade do concurso público.

 

CARGOS
Ensino Superior Completo
– Remuneração Inicial: Classe A/Padrão 01: R$ 10.461,90

 Ensino Médio Completo
– Remuneração Inicial: Classe A/Padrão 01: R$ 6.376,41

REQUISITOS PARA INVESTIDURA NOS CARGOS
INSCRIÇÕES

A inscrição do candidato para o concurso público deverão ser realizadas, exclusivamente, via Internet, no período de 10h do dia 02/10/2017 às 14h do dia 27/10/2017
(horário de Brasília).

Obs: A prorrogação das inscrições de que trata o item anterior poderá ser feita sem prévio aviso, bastando, para todos os efeitos legais, a comunicação de prorrogação feita no site www.concursosfcc.com.br.
Para inscrever-se, o candidato deverá:
acessar o endereço eletrônico da FCC durante o período das inscrições e, por meio dos links referentes ao Concurso Público, efetuar sua inscrição, conforme os procedimentos estabelecidos abaixo:
  • Ler e aceitar o Requerimento de Inscrição, preencher o Formulário de Inscrição e transmitir os dados pela Internet.
  • Efetuar o pagamento da importância referente à inscrição, exclusivamente no Banco do Brasil, por meio da Guia de Recolhimento da União – GRU Simples, gerada no próprio site da Fundação Carlos Chagas, de acordo com as instruções constantes no endereço eletrônico, pagável exclusivamente no Banco do Brasil, até a data limite para pagamento das inscrições, 27/10/2017, no valor de:
    – Ensino Superior Completo: R$ 70,85 para os cargos de Analista Judiciário todas as Áreas e Especialidades;
    Ensino Médio Completo: R$ 60,85  para os cargos de Técnico Judiciário todas
    as Áreas e Especialidades.
  • Somente serão processadas as inscrições preenchidas corretamente, cujo recolhimento do valor seja confirmado pelo Banco do Brasil.
  • É dever do candidato manter sob sua guarda cópia da Guia de Recolhimento da União (GRU) paga, inclusive quando da realização das provas, de maneira a dirimir eventuais dúvidas.
PROVAS
O certame constará das seguintes provas:
Cargo Prova Nº de questões Peso Duração da prova
Analista Judiciário – Área Judiciária
Conhecimentos Gerais
Conhecimentos Específicos
Discursiva – Redação
20 para Conhecimentos Gerais
40 para Conhecimentos Específicos
1 para Conhecimentos Gerais
3 para Conhecimentos Específicos
4 horas
Analista Judiciário – Área Administrativa
Conhecimentos Gerais
Conhecimentos Específicos
Discursiva – Redação
20 para Conhecimentos Gerais
40 para Conhecimentos Específicos
1 para Conhecimentos Gerais
3 para Conhecimentos Específicos
4 horas
Técnico Judiciário – Área Administrativa
Conhecimentos Gerais
Conhecimentos Específicos
Discursiva – Redação
20 para Conhecimentos Gerais
40 para Conhecimentos Específicos
1 para Conhecimentos Gerais
3 para Conhecimentos Específicos
4 horas
PROVA DISCURSIVA – REDAÇÃO
Será corrigida a Prova Discursiva-Redação dos candidatos habilitados e mais bem classificados nas Provas Objetivas (Conhecimentos Gerais e Conhecimentos Específicos), considerados os empates até a última posição de classificação até o limite estabelecido no quadro abaixo, além de todos os candidatos com deficiência.

DA PRESTAÇÃO DAS PROVAS

As Provas Objetiva e Discursiva serão aplicadas na
mesma data e estão previstas para o dia 03/12/2017:

a) No período da manhã para o cargo de Técnico Judiciário – Todas as Áreas/Especialidades;
b) No período da tarde para o cargo de Analista Judiciário – Todas as Áreas/Especialidades

>> Edital 

NOMEADOS NO ÚLTIMO CONCURSO

No último edital TRF 5 realizado em 2012 foram nomeados mais de 700 candidatos e não foi ofertada NENHUMA vaga no edital. Não fique aflito quando olhar o quantitativo de vagas pois o tribunal tem o costume de chamar muito além das vagas. Confira a tabelinha que preparamos para você de últimos nomeados!

CONCURSO TRF 5
Últimos nomeados

Edital Concurso



-> Notícias anteriores

Publicado o extrato de contrato com a FCC!

Está iminente o edital para o CONCURSO TRF 5 (Tribunal Regional da 5ª região) que tem jurisdição nos estados do Alagoas, Ceará, Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Sergipe.
O extrato da dispensa de licitação da banca organizadora já havia sido publicado desde agosto, porém só hoje, dia 22/09, foi publicado o extrato de contrato da banca FCC oficializando que a mesma é responsável pela organização do certame.
CONCURSO TRF 5
CONCURSO TRF 5

O concurso TRF 5 irá ofertar vagas para provimento imediato e formação de cadastro de reserva. A expectativa é que sejam ofertadas 12 vagas para os cargos de Técnico Judiciário, nível médio, e Analista Judiciário, nível superior.

As remunerações podem chegar até R$ 10 mil. Para o cargo de Técnico Judiciário a remuneração inicial gira em torno de R$ 6.071,91 e para o cargo de Analista em torno de R$ 9.962,39.


Extrato de dispensa de licitação

 O Tribunal Regional Federal da 5ª Região (Concurso TRF 5) com jurisdição nos estados do Alagoas, Ceará, Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Sergipe, publicou hoje, dia 24/08, o extrato da dispensa de licitação para a contratação da banca organizadora.
A contemplada foi a Fundação Carlos Chagas, mais conhecida como a FCC.
Veja na imagem abaixo:

O documento confirma a realização de concurso para 12 vagas além de Cadastro de Reserva.
Os cargos que serão ofertados no edital do certame serão de Técnico Judiciário e Analista Judiciário, ocupações que exigem formação em nível médio e superior, respectivamente.

>> Técnico Judiciário – TRF 5ª Região – Saiba mais sobre o curso online!


Formação da comissão

Dia 26/06 foi publicado, no Diário Eletrônico Administrativo do órgão, a comissão responsável pela seleção do concurso TRF 5.
O grupo está sob presidência da juíza federal Joana Carolina Lins Pereira, e ficará responsável pelos preparativos da seleção e também pela escolha da banca organizadora.
A expectativa é que o edital seja aberto ainda no segundo semestre de 2017.
As vagas ofertadas serão para Técnicos e Analistas, e a urgência de um novo concurso só aumenta, pois o órgão não possui cadastro reserva desde março deste ano, sem poder contratar aprovado para suprir a saída de aposentadorias.
Remuneração
Por oferecer excelentes remunerações, esse órgão atrai milhares de candidatos. Os iniciais das carreiras podem alcançar a casa do R$14 mil para analistas.
A remuneração do Analista Judiciário, Áreas Judiciária, Administrativa e demais especialidades são de até R$11.007, somado aos auxílios-alimentação e saúde, chegam a R$11.921, podendo ainda ser acrescida de auxílio-natalidade de R$700, para candidatos que tenham filho.
Para o cargo de Analista – Área Judiciária, Especialidade Oficial de Justiça Avaliador Federal, de gratificação de atividade no valor de R$1.670,43, alcançando R$13.861, podendo ainda ser acrescida de auxílio-natalidade de R$ 700, para candidatos que tenham filho.
Já para Técnico Judiciário a remuneração é de R$6.709, somados aos mesmos benefícios básicos, é de R$7.893, podendo ainda ser acrescida de auxílio-natalidade de R$700.
Atribuições
Analista Judiciário – Área Judiciária: realizar atividades de nível superior a fim de fornecer suporte técnico e administrativo, favorecendo o exercício da função judicante pelos magistrados e/ou órgãos julgadores.
Requisito: diploma ou Certificado (acompanhado do Histórico Escolar) do Curso de Bacharel em Direito, reconhecido pelo MEC.
Analista Judiciário – Área Judiciária – Especialidade Execução de Mandados: realizar atividades de nível superior a fim de possibilitar o cumprimento de ordens judiciais.
Requisito: diploma ou Certificado (acompanhado do Histórico Escolar) do Curso de Bacharel em Direito, reconhecido pelo MEC.
Analista Judiciário – Área Administrativa: realizar atividades de nível superior a fim de favorecer o adequado funcionamento e desenvolvimento da organização.
Requisito: diploma ou Certificado (acompanhado do Histórico Escolar) de Curso Superior de Graduação em qualquer área, reconhecido pelo MEC.
Técnico Judiciário – Área Administrativa: realizar atividades de nível intermediário a fim de fornecer auxílio técnico e administrativo aos magistrados e/ou órgãos julgadores, favorecendo o exercício da função judicante e o exercício das funções necessárias ao adequado funcionamento da organização.
Requisito: comprovante de Conclusão de curso de ensino médio (2º grau) ou equivalente, devidamente reconhecido.
Técnico Judiciário – Área Administrativa – Segurança e Transporte: realizar atividades de nível intermediário a fim de zelar pela segurança dos magistrados, servidores, visitantes, instalações e bens patrimoniais do órgão, como também garantir a adequada condução de veículos oficiais.
Requisito: comprovante de Conclusão de curso de ensino médio (2º grau) ou equivalente, devidamente reconhecido, e Carteira Nacional de Habilitação, categoria D ou E.

>> CURSO TÉCNICO JUDICIÁRIO TRF 5ª REGIÃO

Último concurso
Foi realizado em 2012 o ultimo Concurso, e teve como organizadora a FCC (Fundação Carlos Chagas). O edital de Analista venceu em 09/01 de 2017, e o Técnico venceu dia 13/03 de 2017, sem possibilidade de prorrogação.
Os candidatos inscritos foram avaliados por provas de conhecimentos gerais e específicos, além de prova discursiva (redação) para todos os cargos.
Por fim, ocorreu também prova prática de digitação para Técnico Judiciário da área Administrativa e para Técnico Judiciário da área Administrativa na especialidade de Segurança e Transporte.
Disciplinas
Analista Judiciário Área Judiciária:
Conhecimentos Básicos: Português e Atos Normativos.
​Conhecimentos Específicos: Direito do Consumidor, Direito Ambiental, Direito Administrativo, Direito Constitucional, Direito Civil, Direito Processual Civil, Direito Penal, Direito Processual Penal, Direito Tributário e Direito Previdenciário.
Oficial de Justiça: 
Conhecimentos Básicos: Português e Atos Normativos.
Conhecimentos Específicos: Direito Administrativo, Direito Constitucional, Direito Civil, Direito Processual Civil, Direito Penal, Direito Processual Penal.
Analista Judiciário Área Administrativa:
Conhecimentos Básicos: Português e Atos Normativos.
Conhecimentos Específicos: Noções de Administração, Noções de Administração Pública, Noções de Administração Financeira e Orçamentária, Noções de Gestão de Pessoas.
Técnico Judiciário Área Administrativa:
Conhecimentos Básicos: Português e Atos Normativos.
​Conhecimentos Específicos: Noções de Administração, Noções de Direito Constitucional, Noções de Direito Administrativo, Noções de Administração Financeira e Orçamentária e Noções de Gestão de Pessoas.
Técnico Judiciário Especialidade Segurança e Transporte:
Conhecimentos Básicos: Português, Atos Normativos, Noções de Administração Pública e Noções de Direito Constitucional.
Conhecimentos Específicos: Segurança de Dignitários e Noções de Planejamento de Segurança.

Comentários

comentarios

Créditos: Alfacon

%d blogueiros gostam disto: