Dólar e juros têm ajuste de baixa com trégua externa

SÃO PAULO  –  O dólar e os juros futuros recuam nesta sexta-feira, com os mercados tendo um alívio seguindo a trégua externa, passada a reação imediata à sinalização do Federal Reserve (Fed, banco central americano) de que os juros podem subir mais nos Estados Unidos. 

A agenda doméstica brasileira mais tranquila também abre espaço para algum ajuste positivo nos preços. Mas o mercado ainda deve analisar pesquisa Ibope de avaliação do governo a ser divulgada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI).

Às 10h33, o dólar comercial caía 0,38%, a R$ 3,3539, depois de subir 0,69% ontem. No mercado futuro, o dólar para janeiro tinha queda de 0,56%, a R$ 3,3655. 

Nos juros, o DI janeiro de 2025 caía a 12,200% ao ano, ante 12,310% no ajuste anterior.

O DI janeiro de 2021 recuava a 11,820%, contra 11,920% no ajuste da véspera. Passada mais de uma hora do começo do pregão, esse contrato – o mais negociado do mercado de juros hoje – movimentou menos de 40 mil ativos.

Entre os vencimentos mais curtos, o DI janeiro de 2018 – que reflete apostas para a política monetária de ao longo de 2017 – cedia a 11,720%, frente a 11,770% no ajuste anterior.

(José de Castro | Valor)

Créditos:

Valor

%d blogueiros gostam disto: