Concurso TJ SP: Edital em março!

Concurso TJ SP edital em março

Concurseiros, fiquem atentos! O concurso TJ SP terá edital em março.

A informação veio do presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo, o desembargador Paulo Dimas de Bellis Mascaretti, no início de fevereiro.

Segundo o presidente, o concurso tem como objetivo selecionar profissionais para o cargo de Escrevente Técnico Judiciário, com exigência de nível técnico para a 1ª Região Administrativa (Capital e Grande São Paulo).

>> Apostila TJ SP Preparatória com super DESCONTO no pagamento à vista no boleto!

Previsão

A previsão é tida como certa, não apenas pela afirmação do presidente do TJ SP, mas principalmente devido a recente convocação dos últimos aprovados no certame de 2014, totalizando 1.789 chamados.

A lista de cadastro conta agora com apenas 78 aprovados que devem ser convocados até maio, quando termina a validade do último concurso. Após essa data, já não resta mais cadastro de reserva válido, o que significa que as contratações para o próximo concurso devem ser realizadas imediatamente após a homologação.

Banca organizadora

A banca ainda não está confirmada, mas com base no histórico do órgão, a Fundação Vunesp tem grandes chances de ser a escolhida.

Vagas e salários

Ainda não há informação sobre o número exato de vagas que serão oferecidas. Contudo, sabe-se que o concurso TJ SP tem tradição de convocar um grande número de aprovados além das vagas do edital. Por vezes até três vezes mais.

A remuneração para o cargo de Escrevente Técnico Judiciário é de R$ 5.697,18 no início da carreira. Valor este, que soma o salário de R$ 4.473,16, auxílio-alimentação de R$ 42,00 por dia (R$ 924 na média de 22 dias) e auxílio-saúde de R$ 300,00.

Provas

A avaliação do último certame (2014), foi feita por meio de prova objetiva de caráter eliminatório e classificatório e prova prática de digitação, de caráter eliminatório.

A prova objetiva contou com 100 questões, divididas em três blocos.

O primeiro bloco foi composto por 24 questões de Língua Portuguesa.

O segundo contou com 36 questões de Noções de Direito e se divide entre as disciplinas de:

  • Direito Penal;
  • Processual Penal;
  • Processual Civil;
  • Constitucional;
  • Administrativo;
  • Normas da Corregedoria Geral de Justiça.

 

No terceiro bloco foram 40 questões de Conhecimentos Gerais, divididas entre as disciplinas de:

  • Atualidades;
  • Informática;
  • Raciocínio Lógico;
  • Matemática.

 

Para maiores informações, acesse a página do Concurso TJ SP 2017 – Escrevente

A editora Nova tem ajudado há mais de 8 anos quem quer vencer a batalha do concurso público. Se você quer aumentar as suas chances de passar, conheça os nossos materiais, acessando o nosso site!

Créditos:

Nova Concursos

%d blogueiros gostam disto: