Concurso Senado Federal 2017 – Analista Legislativo

Cursos para Concurso TRF 5

concurso senado federal 2016Está previsto para 2017 o Concurso do Senado Federal, que visa o preenchimento de mais de 1.000 vagas.

Atualmente as áreas que apresentam maior déficit são as de Advogado, Analista Legislativo, Consultor Legislativo, Secretário Parlamentar e Técnico Legislativo.

>> Adquira a sua Apostila Senado Federal e comece a se preparar para o concurso!

Necessidade de concurso

Ao todo, o Senado está com mais de 1.000 cargos vagos, o que indica que um novo concurso é necessário, já que a validade do último certame encerrou em julho de 2015.

Vagas e salários

As vagas, para os níveis médio e superior, são divididas em diversas especialidades, que por sua vez possuem diferentes requisitos. São elas:

Para nível médio:

  • Técnico Legislativo – Apoio Técnico ao Processo Legislativo; Apoio Técnico-Administrativo; Saúde e Assistência Social; Instalações, Equipamentos, Ocupação e Ambientação de Espaço Físico; e Apoio Técnico ao Processo Industrial Gráfico. Remuneração de R$ 16.014,16;
  • Polícia do Senado – Cargo de Policial Legislativo com remuneração de R$ 16.014,16.

Para nível superior:

  • Consultor Legislativo – Consultoria e Assessoramento Legislativo (mais de 10 especialidades) e Consultoria e Assessoramento em Orçamentos. Remuneração de R$ 27.582,21, podendo alcançar R$ 28.944,32 na classe especial;
  • Analista Legislativo – Apoio Técnico ao Processo Legislativo, Apoio Técnico-Administrativo, Controle Interno, Saúde e Assistência Social, Instalações, Equipamentos, Ocupação e Ambientação de Espaço Físico, Redação e Revisão de Textos Gráficos, Comunicação Social e Tecnologia da Informação. Remuneração de R$ 21.347,32, podendo alcançar R$ 24.194,48 na classe especial.

Banca organizadora

A seleção não tem um padrão de banca, sendo a organizadora dos dois últimos certames (2008 e 2011) a Fundação Getúlio Vargas (FGV).

Cargo de Analista Legislativo

Com base no último concurso, ocorrido em 2012, conheça o que foi cobrado para o cargo de Analista Legislativo. Na prova objetiva, as disciplinas foram:

  • Língua Portuguesa (20 questões);
  • Conhecimentos Gerais (10 questões);
  • Língua Inglesa (10 questões).

Na prova de Conhecimentos Gerais houveram questões de Raciocínio Lógico, Mundo Contemporâneo, Cultura internacional, Cultura e sociedade brasileira, Panorama da economia nacional, entre outras.

Já na parte de Língua Inglesa o objetivo foi saber se os candidatos possuíam estratégias de leitura, estratégias discursivas e aspectos gramaticais.

No total, foram 40 questões com peso 1 – essa parte da prova foi responsável por quase 36% da nota total do concurso.

Na prova de Conhecimentos Específicos, as disciplinas variam de acordo com a área especializada escolhida pelo candidato.

Lembrando que foram considerados aprovados os candidatos que alcançaram o mínimo de 54% de aproveitamento do total de pontos de cada prova.

A editora Nova tem ajudado há mais de 8 anos quem quer vencer a batalha do concurso público. Se você quer aumentar as suas chances de passar, conheça os nossos materiais, acessando o nosso site!

BANNER GENÉRICO

Créditos:

Nova Concursos

%d blogueiros gostam disto: