Bombril cede direitos sobre a marca Lysoform por R$ 47,5 milhões

Acordo foi fechado com a SC Johnson & Son, dona de marcas como Baygon e Raid, e faz parte dos esforços de reestruturação da empresa

Por
Da redação

access_time

15 dez 2016, 13h12

A Bombril vai ceder o direito de uso da marca Lysoform à SC Johnson & Son, que opera com marcas como as dos repelentes Raid e Off! e a do inseticida Baygon, em um acordo de por 47,59 milhões de reais. A cessão, que inclui um portfólio de marcas e outros ativos ligados à linha de produtos Lysoform, foi anunciada pela empresa em comunicado ao mercado distribuído na noite desta quarta-feira.

A operação faz parte dos esforços de reestruturação da Bombril. O trabalho inclui a venda de ativos não-estratégicos e também negociações com credores e investidores, de acordo com o documento.

O negócio ainda está sujeito à aprovação pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade). Segundo a Bombril, os recursos obtidos com a cessão de marcas serão usados para melhorar a estrutura de capital da empresa.

(Com Reuters)

Créditos:

VEJA