A nova era do franchising: você está preparado?

Extra/RJ – Adir Ribeiro/Presidente do Praxis Business – 04/12

Você já ouviu falar no VUCA? Entenda como essa sigla pode ajudar sua empresa na nova era do varejo e franchising

Estamos sempre focados em entender o contexto dos negócios para podermos oferecer soluções adequadas ao mercado de Franchising & Varejo. Acreditamos que o momento que vivemos é bastante desafiador para todos os gestores de negócios e, em especial, redes de franquias e também de varejo, sejam por intermédio de unidades próprias ou operadas por terceiros, em outros formatos ou Canais de Vendas.

Já faz um tempo que o sistema de Franchising brasileiro vem apresentando taxas de crescimento bastante relevantes nos últimos anos, mas ele também não está imune às intempéries da economia nacional nem ao cenário político do país. Essas variáveis externas, embora tenham forte interferência nos resultados das empresas, não são controláveis, exigindo que os gestores estejam atualizados e bem informados para tomar suas decisões de negócios de forma embasada e alinhada.

Uma outra grande transformação vem ocorrendo na sociedade em geral, dentro de um ambiente denominado como Mundo VUCA (The VUCA World) – sigla do vocabulário militar americano e que deriva das palavras em inglês:

Volatility (volatilidade)

Uncertainty (incerteza)

Complexity (complexidade)

Ambiguity (ambiguidade)

A alta velocidade e a força com que as mudanças acontecem nos colocam dentro de um ambiente de alta imprevisibilidade, no qual muitos são os fatores envolvidos nas transformações, influenciados ainda por vários e diferentes pontos de vista que podem ser utilizados para entender e analisar os fatos. Ou seja: está cada vez mais difícil tomar decisões. Não existem mais verdades totalmente absolutas e os pilares do sistema de Franchising devem estar cada vez mais sedimentados para podermos enfrentar esse mundo VUCA.

Além disso, várias são as preocupações dos Gestores de Redes atualmente, as quais listamos a seguir de maneira ampla:

Performance: produtividade, modelos de negócios, expansão e fluxo de caixa

Gestão: tecnologia, abastecimento, Ebtida e gestão empresarial pela rede;

Suporte: efetividade, segmentação, capacitação e comunicação;

Cultura: engajamento, comitês, gestão de conflitos e accountabilityEsses “aspectos críticos” são bastante relevantes para o sucesso dos negócios em redes de franquias e dentro de um mundo cada vez mais complexo, acelerado e ambíguo, é preciso que essas bases tenham condições de se adaptar às novas exigências.

O fato é que todas essas mudanças implicam na necessidade da adoção de novos comportamentos e no desenvolvimento de novas competências, tanto pelas Franqueadoras como pelos seus Franqueados. E é neste sentido de evolução que surge o que denominamos de Nova Era do Franchising. Acreditamos que a mudança de comportamento e das crenças pode trazer importantes reflexões sobre esse atual contexto, e, seguindo essa linha de raciocínio, listamos vários fatores e seus contrapontos. Obviamente, a avaliação desses fatores precisa ser bem realizada e entendida na sua essência – a lista de “Cada Vez MENOS / MAIS” deve servir de Check-list para análise e discussão dos gestores com suas equipes, auxiliando-os na construção de um plano de ações para aqueles itens que são relevantes e façam sentido para o seu momento de negócio.

Créditos:

Portal do Franchising

%d blogueiros gostam disto: